18 julho, 2011

Amor, palavra essencial

Se eu sou por natureza um sujeito negligente com este espaço, agora, no momento de arrematar a dissertação, tenho motivos de sobra para tanto. Mas para não deixá-lo no completo abandono, coloco aqui para vocês uma bela leitura do ator e diretor Sergio Viotti declaramando Drummond. A passagem abaixo eu recortei do documentário O amor natural (filme homônimo do livro nele homenageado). Bela interpretação, confiram.


PS. Após subir o vídeo descobri que a mesma passagem -- e outras -- já está disponível no Youtube. Procurem! O depoimento dessa senhora é também igualmente imperdível.

Nenhum comentário :